Xamanismo - O que é? Animais e Instrumentos

Postado por Estrela Mística Oficial em

O que é Xamanismo:

Xamanismo é um conjunto de crenças ancestrais que engloba práticas de magia e evocações para estabelecer contato com o mundo espiritual.

O xamanismo é uma percepção religiosa que confere ao xamã, a capacidade de entrar em transe e se conectar com o mundo espiritual. Essa conexão o capacita para curar doenças, influenciar a natureza, facilitar a caça, adivinhar segredos, predizer o futuro, afastar o mal ou exercer funções de um sacerdote. O xamã consegue fazer uma viagem a outro mundo, através da recepção de uma natureza transcendental ou através da sua transformação em um outro ser.

Essas manifestações são características dos povos siberianos da Ásia setentrional, porém em tribos indígenas de todo o mundo a essência dessas manifestações são semelhantes, com base na observação dos sinais da natureza e na intervenção de um xamã. Apesar do verdadeiro xamanismo ter sido desenvolvido entre diversos povos da Sibéria e Ásia Central, é sabido que na América, no Sudeste da Ásia e na Oceania existem práticas religiosas intimamente ligadas com ele.

O xamã é o líder espiritual em quem as comunidades reconhecem capacidades sobrenaturais. É uma figura poderosa que estabelece uma ponte entre o mundo natural e o espiritual. A ele são atribuídos poderes de magia, profecia e cura.

Esse conjunto de práticas se transformou em uma filosofia de vida, através da qual as pessoas buscam equilíbrio, conhecimento, tranquilidade, bem-estar físico e espiritual. A sabedoria milenar e os ensinamentos passados através de gerações levam o praticante a experimentar uma transformação interior.

As novas vertentes do xamanismo denominadas neo-xamanismo ou xamanismo urbano são baseadas no conhecimento das antigas tradições que entram em harmonia com o mundo atual. As práticas e técnicas usadas no xamanismo incluem danças, canções, batidas de tambores e outros instrumentos musicais, meditação, discussão, partilha de conhecimentos, testemunhos e histórias.

No Brasil, as práticas xamânicas são habituais nas tribos indígenas, tendo como xamã o pajé.

 

Xamanismo e animais

Xamanismo e animais

Os animais têm uma grande relevância no mundo do xamanismo, pois de acordo com essa prática, um indivíduo pode descobrir o animal guardião que existe no interior de cada um. Esse animal guardião pode também ser conhecido como animal de poder, aliado totem, nagual ou espírito protetor.

Cada um desses animais possui características diferentes. por exemplo, o lobo representa aptidões sociais, fidelidade, generosidade, amor e capacidade de ensinar. O urso está relacionado com o inconsciente, e representa os instintos. A coruja representa o caminho para a sabedoria e em algumas tradições pode ser portadora de boas ou más notícias.

 

Xamanismo e instrumentos

Instrumentos Xamânicos

TAMBOR

O tambor é considerado universalmente como um instrumento indispensável do xamanismo. É o veículo pelo qual os xamãs fazem suas viagens a outros mundos. O tambor também é usado para invocar espíritos, para curas, para afastar espíritos malignos.
O tambor deverá adquirir uma alma antes de ser utilizado, alguns o preparam com banhos de ervas, evocações, defumações, canções, preces, etc.. Deve ser honrado o sacrifício do animal e da árvore, pois estes espíritos também falarão através do toque do xamã.
Os nativos norte-americanos associam o toque do tambor as batidas do coração da Mãe-Terra e também ao som do útero. O tambor dá acesso a força vital através de seu ritmo.
O tambor é considerado o cavalo, ou a canoa, que leva ao mundo espiritual. É o instrumento que faz a comunicação entre o Céu e a Terra, que permite ao Xamã viajar ao Centro do Mundo ( Eliade ).

 

MARACAS E CHOCALHOS

Maracas e Chocalhos Xamanicos

Muito utilizados, principalmente na América do Sul, geralmente feitos de cabaça, ou chifres de gado, o interior contém sementes ou pedras.
Possuem a mesma finalidade dos tambores, também são utilizados para aberturas de rituais e exorcismos.

 

PEDRAS E CRISTAIS

Pedras e Cristais Xamânico


Há um conto xamânico que o Criador vendo a escuridão da noite, pegou um cristal de quartzo e despedaçou-o em milhares de pedaços, e jogando-os no Universo criou as estrelas.
Os aborígenes australianos chamam os cristais de luz solidificada.
Pedras e cristais vem sendo utilizados, pelas mais diferentes civilizações. Eles possuem vibrações variadas de luz e som. No xamanismo norte-americano são chamados de Seres Pedra, detentores dos registros da Mãe Terra.

 

TRAJES E MÁSCARAS

Máscaras Xamânicas

O simbolismo por trás dos trajes, representa a saída do mundo material para a entrada no mundo espiritual. Os trajes cerimoniais se fazem presentes em todas as religiões: a batina do padre, a paramentação dos orixás, os mantos dos magos e sacerdotes, o branco, as peles de animais, as fardas e etc..
O mesmo acontece com penas, cocares , que simbolizam também a iniciação. Os trajes representam um microcosmo espiritual que se distingue do espaço profano em volta. Está impregnado, através da consagração de forças espirituais. É como se adquirisse um novo corpo
As máscaras encarnam poderes sobrenaturais, dando um meio ao homem para se aproximar de forças divinas.

 

PAU-FALANTE

Pau-Falante Xamânico


Utilizado especificamente por nativos norte-americanos. Trata-se de um pedaço de pau consagrado para se apresente o "Sagrado Ponto de Vista "Neste ritual não pode ser utilizada nenhuma palavra que não represente a verdade. Só fala quem estiver com o pau-falante na mão, os demais permanecem em silêncio . É uma forma de honrar a sabedoria dos outros. São empregados em reuniões, processos grupais, relacionamentos entre as pessoas , etc..

 

CACHIMBOS

Cachimbo Xamânico

É de uso corrente o cachimbo entre os xamãs do mundo inteiro. Para os nativos norte-americanos, ele surgiu com a aparição da Mulher Novilho Búfalo Branco, na tribo Lakota.
Ela explicou que o fornilho representava a Terra , e o cano tudo o que nasce sobre a Terra.
O fornilho representa o aspecto feminino e o cano o masculino. A união dos dois simboliza o princípio da criação, da fertilidade. O Cachimbo Sagrado é uma forma de oração, as preces são enviadas através do cachimbo. A cada pitada de tabaco se está honrando o que os nativos chamam de Todas As Nossas Relações ( Mitakuye Oyassim ) , que são todas as manifestações da vida da Criação, seres elementais, animais, insetos, peixes, pedras plantas, ancestrais, e etc..
O cachimbo também é utilizado por xamãs peruanos em rituais com plantas de poder, na magia dos pretos velhos, por índios brasileiros em rituais de cura e exorcismo. O fato de alguns cachimbos serem de uma peça só não tira o valor ritual.

 

OUTROS
Também são empregados em rituais, os paus-de-chuva, que simbolizam os movimentos das águas, bastões de diferentes formas e adornos que precederam as varinhas mágicas.
 Arcos e flechas, amuletos e talismãs, diferentes instrumentos musicais, raízes e sementes, cruzes mandalas, e etc.., são usados de acordo com cada cultura.

MÚSICAS XAMÂNICA PARA MEDITAR

Os xamãs acreditam que todos temos animais de poder – espíritos animais que ... capturar o espírito e a essência de um animal particular através da música.

Em nosso canal você encontras as músicas xamânicas para sua meditação!

㋛INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL DO YOUTUBE - É GRATUITO ㋛ 

👍 CURTA - ✔COMPARTILHE - 💬COMENTE

 

 CURSO DE TERAPIA XAMÂNICA


Compartilhe esta postagem



← Postagem anterior Postagem seguinte →


0 comentários

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados.